Concurso Recife DISSECANDO O EDITAL – Assistente Social

Concurso Recife DISSECANDO O EDITAL – Assistente Social

DISSECANDO O EDITAL:

88 vagas para o cargo de Assistente Social!!!!!!!!!  Vamos combinar que não é todo dia que temos essa quantidade de vaga em um só edital. Se o salário não é o grande atrativo, as chances de aprovação em um concurso com tantas vagas elevam esse concurso ao patamar de IMPERDÍVEL.

Sem falar que Recife é uma capital maravilhosa e a FCC, banca do concurso, uma queridinha dos concurseiros, sempre com provas bem feitas e super organizada. Já estamos na torcida!!

Vamos falar por tópico de cada aspecto do edital pra você se convencer a estudar muito e pegar uma dessas vagas.

Da tristeza:

Sim, vou começar com o único aspecto BEM QUESTIONÁVEL desse concurso: a carga horária para o cargo de Assistente Social de 40h.

Assim que você olha pra carga horária já se pergunta: como assim 40h? E o respeito a lei 12.317/10?

Pois bem, o edital cita o Estatuto dos Funcionários Públicos do Município do Recife como justificativa pra essa carga horária abusiva. Não me convenceu, ok? 

Mas, eles vão mais longe, ao invés de colocar o cargo Assistente Social, eles camuflam o cargo pra burlar a lei de 30 horas e nomeiam como Analista em Assistência Social e Direitos Humanos – Assistente Social.

E deixa eu te contar uma história: A Advocacia Geral da União entende que “a Lei n° 12.317/2010 aplica-se apenas aos Assistentes Sociais da iniciativa privada, não se estendendo aos servidores públicos ocupantes do mesmo cargo, sob pena de violação da Constituição Federal”, inclusive já ganhou várias disputas judiciais com esse argumento. Mas aqui é conversa pra outro momento.

Voltemos ao que é bom: VAGAS!

São 88 (OITENTA E OITO) divididas assim:

 79 para ampla concorrência

 09 reservadas para as pessoas com deficiência

E o salário vale a pena?

Primeiro tenho que pontuar que o salário base vem acrescido de umas gratificações muito bem-vindas e que já deixam seu salário inicial no valor de R$ 2.719,64.

A conta feita no edital é assim: Vencimento base, R$ 2.221,77 + Gratificação de Exercício da Profissão, R$ 200,00 + Adicional de Risco de Vida, R$ 297,87, totalizando: R$ 2.719,64.

Viver em Recife é como viver em qualquer grande metrópole, tem suas dificuldades de locomoção e suas vantagens do acesso a serviços. O custo de vida não é tão caro como nas metrópoles do sudeste. Os seus custos vão variar muito dependendo do ponto de escolha pra morar. Na zona norte o custo de vida é mais baixo, já na zona sul, em especial no bairro de boa viagem (leia-se perto do mar, bairro turístico), o custo aumenta bastante.

Aqui tem um site bem legal que compara custo de vida (http://www.custodevida.com.br/pe/recife/) . Comparei com Fortaleza e, na minha reles opinião, os custos se parecem, então é possível morar em Recife com o salário oferecido no pela Prefeitura com tranquilidade. Ahhh e se prepara para o CALOR! É nordeste, bebê!

Vamos a Prova que é o que interessa! Não vale ficar planejando morar lá se não arrasar na prova e, te garanto, a FCC coloca pra ferver!

A prova será objetiva (múltipla escolha) dividida em Conhecimentos Básicos e Conhecimentos Específicos, com número de questões e, principalmente, pesos distintos. Já te adianto, FOCO na específica!

– Conhecimento básico: 30 questões com peso 1

– Conhecimento Específico: 50 questões com peso 3.

Você terá 4 horas para resolver essas 80 questões. Cada questão terá 5 alternativas (A, B, C, D, E) em que só uma é certa.

A prova acontecerá dia 19/04/2020. E um detalhe, à tarde, no delicioso calor do Recife. Tomara que as salas tenham ar-condicionado, né?!!

Eu sei que você tá se perguntando aí, e a prova de títulos? Não há prova de títulos. Ou seja, oportunidade única pra quem não tem experiência profissional.

Então, minhas amigas/os foco no conteúdo que tem que ser estudado!! E nisso, podemos te ajudar muuuuuito! Seja com os cursos do www.canaldoasistentesocial.com.br , seja com os livros da Socialis Editora da coleção concurso!! Leia até o fim que deixei um cupom de desconto pra você!

E se liga que nosso youtube tá cheio de videoaulas gratuitas 😊

Falemos do conteúdo:

As questões de conhecimento específico (aquelas que valem um ponto cada – peso 1) envolverão 4 grandes temas: Língua Portuguesa + Noções de Direitos Humanos + Noções de Direito da Pessoa com Deficiência + Noções de Legislação.

Vejamos cada um:

Língua Portuguesa: Interpretação de texto. Argumentação. Pressupostos e subentendidos. Níveis de linguagem. Ortografia e acentuação. Articulação do texto: coesão e coerência. Classes de palavras. Sintaxe. Termos da oração. Processos de coordenação e subordinação. Discurso direto e indireto. Tempos, modos e vozes verbais. Flexão nominal e verbal. Concordância nominal e verbal. Regência nominal e verbal. Ocorrência da Crase. Pontuação. Equivalência e transformação de estruturas. Redação.

Noções de Direitos Humanos: Evolução histórica dos Direitos Humanos. Os fundamentos filosóficos dos Direitos Humanos. Fontes, classificação, princípios, características e gerações de direitos humanos. Interpretação dos tratados de Direitos Humanos. Colisão entre direitos humanos: teorias para resolução. Tratados internacionais de Direitos Humanos em face da Constituição da República do Brasil. Ações afirmativas. Declaração Universal dos Direitos Humanos. Pacto Internacional dos Direitos Civis e Políticos (PIDCP) e protocolos facultativos. Pacto Internacional dos Direitos Econômicos, Sociais e Culturais (PIDESC) e protocolos facultativos. Convenção sobre a eliminação de todas as formas de discriminação racial. Convenção sobre a eliminação de todas as formas de discriminação contra a mulher e protocolo facultativo. Convenção sobre os direitos da criança e seus protocolos facultativos. Convenção sobre os direitos da pessoa com deficiência e seu protocolo facultativo. Convenção relativa à proteção do patrimônio mundial, cultural e natural – “Declaração de Estocolmo”. Convenção sobre a diversidade biológica. Declaração das Nações Unidas sobre os direitos dos povos indígenas. Sistema Regional Interamericano de Proteção aos Direitos Humanos. Declaração Americana dos Direitos e Deveres do Homem. Convenção Americana de Direitos Humanos. Protocolo adicional à Convenção Americana sobre Direitos Humanos em matéria de direitos econômicos, sociais e culturais – “Protocolo de San Salvador”. Comissão Interamericana de Direitos Humanos e Corte Interamericana de Direitos Humanos: composição, funcionamento, atribuições e histórico de decisões. Mecanismos de proteção aos direitos humanos na ordem jurídica nacional e internacional. III Plano Nacional de Direitos Humanos. Direitos Humanos em espécie e grupos vulneráveis. Direitos Humanos das minorias e de vítimas de injustiças históricas: Mulher, Negro, Criança e Adolescente, Idoso, Pessoa com Deficiência, Pessoas em situação de rua, Povos Indígenas, LGBT, Quilombolas, Sem-teto, Sem-terra, Imigrantes e Refugiados.

Noções de Direito da Pessoa com Deficiência: Direitos da Pessoa com Deficiência: evolução histórica, fundamentos filosóficos, teorias, conceitos básicos, princípios e classificações. Distinções e aproximações entre os conceitos de doença e de deficiência. Inclusão social da Pessoa com Deficiência. Ações afirmativas. Direitos das Pessoas com Deficiência na Constituição Federal. Lei Federal nº 7.853/1989, Decreto Federal nº 3.298/1999 e Lei Federal 126/2005. Convenção sobre os Direitos da Pessoa com Deficiência – Decreto do Executivo Federal nº 6.949/2009. Lei Federal nº 13.146/2015 – Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Lei Estadual 14.789, de 1/10/2012 – Institui no âmbito do Estado de Pernambuco a Política Estadual da Pessoa com Deficiência. Lei Municipal nº 17.199/2006 e alterações – Institui no âmbito da Cidade do Recife a Política Municipal de Inclusão da Pessoa com Deficiência. Lei Municipal nº 17.247/2006 e alterações – Institui o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Lei Municipal nº 18.444/2017 e alterações – Institui o Fundo Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Lei Federal nº 12.764/12 e Decreto 8.368/2014, 02/12/2014, que institui e regulamenta a Política Nacional de Proteção dos Direitos da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista. Lei Municipal nº 18.002/2014 e alterações. Direito à Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva. Declaração de Salamanca. Proteção dos direitos das pessoas com transtornos mentais na assistência em saúde mental (Lei Federal nº 10.216/01). Programas, serviços, projetos e benefícios direcionados à Pessoa com Deficiência no âmbito da Assistência Social.

Noções de Legislação: Constituição Federal (1988) – artigo referente à Seguridade. Lei nº 8.742 de 7 de dezembro 1993 – Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), e suas alterações. Lei Nº 12.435, de 6 de julho de 2012 – Lei do Sistema Único de Assistência Social. Resolução CNAS Nº 7, de 18 de maio de 2016 – II Plano Decenal da Assistência Social (2016/2026) “Proteção Social para todos/as os/as brasileiros/as”. Resolução CNAS nº 4, de 13 de março de 2013 e os princípios da Política Nacional de Educação Permanente do Suas – PNEP/Suas. Resolução CNAS Nº 145, de 15 de outubro de 2004 – Política Nacional de Assistência Social – PNAS. Resolução CNAS n.º 130, de 15 de julho de 2005 – Norma Operacional Básica do Sistema Único de Assistência Social – NOB/SUAS. Resolução CNAS nº 33 de 12 de dezembro de 2012 – Norma Operacional Básica do Sistema Único de Assistência Social – NOB/SUAS. Resolução CNAS Nº 109, de 12 de novembro de 2009 – Tipificação Nacional de Serviços Socioassistenciais (2009), e suas alterações por meio da Resolução CNAS Nº 13, de maio de 2014. Resolução CNAS Nº 6, de 13 de abril de 2016 – Supervisão Técnica no âmbito do Sistema Único de Assistência Social – Suas. Lei 14.728/85 e suas alterações – Estatuto dos Funcionários Públicos do Recife. Lei 8.069/1990 – Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA. Lei 10.741/2003 – Estatuto do Idoso. Lei 12.852/2013 – Estatuto da Juventude. Lei 12.288/2010 – Estatuto da Igualdade Racial. Declaração Universal dos Direitos da Criança (1959). Convenção sobre os Direitos da Criança – ONU (1990). Plano Nacional de Promoção, Proteção e Defesa do Direito de Crianças e Adolescentes à Convivência Familiar e Comunitária (2006). Diretrizes Internacionais – crianças privadas de cuidados parentais (2006). Diretrizes Internacionais das Nações Unidas para Cuidados Alternativos às Crianças (2009). Orientações Técnicas: Serviços de Acolhimento para Crianças e Adolescentes (2009). Lei 12.010 (Lei da Adoção – 2009). Lei 13.257 (Dispõe sobre as políticas públicas para a Primeira Infância – 2016). Resolução Nº165/2013 – Conselho Nacional de Justiça. Resolução Provimento Nº 73/2018 – Conselho Nacional de Justiça.

Muita coisa, né?? Mas foca no detalhe: “Noções”. A FCC é fiel ao edital. Ou seja, se falou “noções” não vai te exigir conhecimento aprofundado da matéria. E lembra né? Vamos te ajudar na caminhada. Já tô prometendo aqui que vou lançar uma série de material gratuitos com MUITOS desses conteúdos!

– E pra começar disponibilizamos um simulado totalmente GRATUITO pra você conhecer o perfil de prova FCC e testar seus conhecimentos! –

Vamos ao FOCO principal da prova, o conteúdo específico. E fica aqui uma dica, a FCC é forte! As questões são densas. Eita que haja videoaula da Prof. Dra. Cinthia Fonseca pra deixar tudo tranquilo pra nós 😊

Conteúdo de Conhecimento Específico: Questão social e suas expressões no Brasil contemporâneo. Transformações no mundo do trabalho. Fundamentos Teóricos e Metodológicos do Serviço Social nas diferentes linhas interpretativas. Projeto Ético-Político do Serviço Social e Legislação Profissional: Lei de Regulamentação da Profissão; Código de Ética Profissional e Resoluções do Conselho Federal de Serviço Social sobre o Exercício Profissional. Dimensão técnico-operativa do serviço social: Concepções sobre instrumentos e técnicas; Abordagens individual e coletiva; Estudo Social; Perícia Social; Relatório Social; Laudo Social; Parecer Social. Dimensão técnica e política do trabalho do assistente social. Serviço Social e as instituições: relações institucionais, interdisciplinaridade, tecnocracia e burocracia. Cidadania e Direitos Sociais e Humanos dos diferentes grupos e segmentos da sociedade brasileira. Estado e políticas sociais: Aspectos teóricos e históricos. Aspectos conceituais da proteção social e sua configuração nas políticas sociais brasileiras. Estado Social na Constituição Federal de 1988: capítulo da Ordem Social. Diretrizes atuais das políticas sociais: Democratização, participação social e universalização. Lei nº 8.212/1991, complementos e alterações (Lei Orgânica da Seguridade Social; Seguridade Social no Brasil; Sistema Único de Assistência Social (SUAS) – institucionalidade na gestão, execução, monitoramento e avaliação: Aspectos normativos e conceituais: Funções e eixos estruturantes da política de assistência social; direitos socioassistenciais e seguranças socioassistenciais, financiamento do SUAS; Normas Operacionais Básicas de 2005 e 2012; Norma Operacional Básica de Recursos Humanos; Tipificação Nacional dos Serviços Socioassistenciais (Resolução nº 109/2009 do Conselho Nacional de Assistência Social); Benefício de Prestação Continuada; Programa Bolsa Família; Cadastro único; Instâncias de Controle social e gestão de participativa – Conselhos de assistência social, Comissão Intergestores Tripartite (CIT), Comissões Intergestores Bipartite (CIBs), Conselhos Gestores, Fóruns e organizações da sociedade civil; Vigilância Socioassistencial; Gestão do Trabalho – Política Nacional de Educação Permanente no SUAS. Políticas sociais setoriais e transversais: Previdência Social – Lei Orgânica da Seguridade (complementos e alterações); Saúde: Lei Orgânica da Saúde (Lei nº 8.080/1990 – Complementos e alterações; Política Nacional de Saúde Mental; Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas (SISNAD); Política de habitação. Legislação social para segmentos específicos: Estatuto do Idoso; Lei Maria da Penha; Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA; Estatuto da Pessoa com Deficiência; Estatuto da Igualdade Racial; e Estatuto da Juventude, Política Nacional de Desenvolvimento Sustentável dos Povos e Comunidades Tradicionais, Direitos dos Povos Indígenas, Direitos dos grupos identificados por identidade sexual e de gênero. Movimentos Sociais, participação e controle social. Trabalho em rede: intersetorialidade, articulação. A dimensão territorial nas políticas sociais. Família: aspectos conceituais e o trabalho com famílias nas políticas sociais. Organizações da Sociedade Civil. Organização Federativa Brasileira: papel das instâncias federadas na garantia de direitos sociais. Processos de gestão: planejamento, diagnóstico, monitoramento e avaliação – Planejamento como processo técnicopolítico, concepção, operacionalização e avaliação de planos, programas e projetos; Formulação de projeto de intervenção profissional. Dimensão investigativa: Fundamentos, instrumentos, indicadores sociais e técnicas de pesquisa social.

Mais um detalhe aqui do conhecimento específico que eu queria mencionar: Observem que mesmo tendo um tópico inteiro de legislação lá no conhecimento básico, as principais legislações estão aqui no conhecimento específico (valendo peso 3).As Legislações que tanto usamos já são consideradas específicas! Olha o ECA, Estatuto do Idoso, Lei Maria da Penha e outras conhecidíssimas nossas, valendo 3 pontos cada questão! Acho que a Prof. Eri tá comemorando. Como ela diz: “É o ano da legislação social!”

Que textão! rsrsrs. Mas tenho certeza que dissecamos cada ponto do edital. Passeamos juntas pelos principais tópicos!

Fica ligada, se inscreve para receber todas as novidades GRATUITAMENTE (Clique aqui).

E vamos juntas rumo à aprovação!!! Não esqueci do cupom ta? Garanta seu desconto aplicando PREPARATORIORECIFE no momento da sua compra do CURSO ONLINE COMBO PREPARATÓRIO RECIFE.

Vem se preparar com muita disciplina, professoras que conhecem o tema e sabem como repassar o conteúdo com maestria.
Você acessa o conteúdo base de Português, Legislação Social e Serviço social através de videoaulas, material em pdf e tem acesso ao nosso fórum exclusivo de tira-dúvidas direto com os professores!

Investimento: R$200,00 em até 3x sem juros | Certificação: 120h.

E mais!!! Vou deixar por uma semana nosso Kit de livros CONCURSEIRA com frete grátis!!!(Clique aqui)

Confira outras notícias também via nosso Whatsapp. É só enviar a palavra “Cadastro” no link:  WHATSAPP e fique por dentro de tudo que acontece no mundo do Serviço Social!

Deixe uma resposta